segunda-feira, 28 de julho de 2014

Dilma vai reforçar as políticas sociais

Um dos grandes marcos dos governos do Partido dos Trabalhadores (PT) e de seus aliados foi a implantação de uma rede de políticas de proteção e inclusão social. Estas medidas tornaram o Brasil um País verdadeiramente de 200 milhões de cidadãos, resgatando, desde 2003, 36 milhões de brasileiros da extrema pobreza. Somente entre 2011 e 2013, com o Plano Brasil Sem Miséria, foram mais de 22 milhões de pessoas. O objetivo, para a próxima gestão é garantir a superação da extrema pobreza no Brasil, sob o critério de renda.
“Nós, de fato, reduzimos a desigualdade. Não reduzimos tirando de ninguém, reduzimos aumentando o crescimento da renda dos mais pobres”, comentou a presidenta Dilma Rousseff, em maio deste ano, durante a entrega do Prêmio ODM Brasil.
Outra grande marca dos últimos 12 anos foi uma mudança extraordinária no perfil da sociedade brasileira, com a ascensão de 42 milhões de brasileiros à classe média. Isso resultou em uma mudança na base da pirâmide social, conhecida antes de 2003, que concentrava 54,9% da população (classes D e E) e a classe média (C) representava apenas 37%. Hoje, a maioria dos brasileiros está situada no meio da pirâmide, com 55% da população na classe média. As classes D e E agora representam apenas 25% do total.

domingo, 27 de julho de 2014

Comunidade Católica Shalom faz ofensiva contra Dilma e o PT

A Comunidade Católica Shalom, fundada por Moysés Louro de Azevedo Filho, dia 9 de julho de 1982, bem no coração da Aldeota, bairro mais caro de Fortaleza, nasceu com fundamentos anti-Teologia da Libertação, voltada para os religiosos da burguesia da cidade, e em todas as eleições, sempre apoiou o tucano Tasso Ribeiro Jereissati, fazendo campanha abertamente contra o Partido dos Trabalhadores, o ex-presidente Lula, e agora a presidenta Dilma Rousseff, que tem respeitado todos credos.
Recentemente, Emmir Nogueira, co-fundadora e formadora geral da Comunidade Shalom, disse recentemente: "Aquele que votar no PT está automaticamente excomungado". E ainda divulgou vídeo no portal da Comunidade Católica Shalom, em Fortaleza, dizendo: "meu voto pode mudar o país?" Clique no link abaixo, e assista:
http://www.comshalom.org/emmir-nogueira-meu-voto-pode-mudar-o-pais/
MATÉRIA:
Luz sobre a mesa - por Maria Emmir Oquendo Nogueira
Queridos Irmãos,
Shalom!
Há dias tenho me contido para evitar escrever a vocês e a outros amigos de forma mais clara sobre o que estamos correndo o risco de viver. Entretanto, o Evangelho de hoje ( a luz colocada no alto e nao sob o alqueire) questionou-me bastante e o e-mail de um irmao santo sensato e querido veio a confirmar minha lectio.
Infelizmente, com uma possível vitória do PT, estaremos entrando mais diretamente do que agora no que está sendo chamado de "comunismo moderno". A par disso, todos os escândalos, distorçoes da verdade, mentiras deslavadas e manipulaçao de toda espécie constituem ameaça especial. Será que, daqui a alguns meses, poderemos estar escrevendo um e-mail tao aberto como esse? Será que nao apenas os valores da fé católica (como acontece hoje) como a própria fé nao estarao sendo perseguidos, questionados, despresados? Será que agora mesmo, nesse instante, o sigilo de meu e-mail pessoal nao está sendo rompido?
Falo a vocês como uma pessoa, católica, que nao quer ser uma luz sob um alqueire. Nao falo como formadora ou como co-fundadora. Falo como católica que lê no Catecismo que todo aquele que promover o aborto ou colaborar com ele (e é esse o caso do voto dado ao PT) está automaticamente excomungado. Falo como católica que precisa levar o Evangelho com liberdade a todos os que nao conhecem Jesus. Falo como católica que crê ser o Evangelho e o Magistério a Verdade e a felicidade para todos. Como dizia o Evangelho desse domingo, ou Deus, ou o dinheiro. Nosso povo está esquecendo-se de Deus em nome do dinheiro, está idolatrando um pseudo bem-estar como se "ter um celular no bolso" fosse capaz de apagar todos os erros absurdos do governo e da candidata do governo. É interessante o que os artigos abaixo dizem sobre isso. Se você quiser saber mais, abra o "you-tube" e digite "Dilma". Seus olhos terao mais razoes para abrir-se e rezar, pedindo ao Deus dos Impossíveis, que faça um milagre em favor do Brasil.
Repito que falo como cidadã, como pessoa, como irmã.
Deus nos abençoe a todos e nos livre de todo mal. Dinheiro, especialmente o ilusório, nao é tudo!
Passo a vocês trecho de artigo da revista canadense. Logo a seguir, Dirceu, que, ao convidar Dilma para substituí-lo na Casa Civil, chamou-a de "Minha companheira de armas".

Nós, católicos, nao podemos ser esses tolos!!!

Maria Emmir -
"A triste verdade sobre as próximas eleições no Brasil é que não será decidida com base em princípios ou valores. Ninguém se importa se Dilma Roussef tenha assassinado ou roubado. É apenas o populismo na forma mais cruel. Ela é a senhora Lula. Os pobres se beneficiaram um pouco do fim da inflação, e se esqueceram que esta situação foi herdada por Lula.
O interessante é que o Partido dos Trabalhadores não é comunista nem o que auxilia os trabalhadores. IBGE, a principal instituição de estatística no Brasil, acaba de lançar a informação dando conta que o analfabetismo no Brasil aumentou, durante o reinado de Lula.
O saneamento básico está no mesmo nível que era no momento da sua coroação. 50 mil brasileiros morrem mortes violentas, a maioria causados por armas e drogas contrabandeadas para o país pelos terroristas marxistas das FARC, os aliados de Lula.
Esta é uma economia fascista, na sua mais pura definição. Mussolini estaria orgulhoso.
É difícil para o povo entender como o comunismo mudou a partir de uma utopia social para este fascismo na forma mais primata. O motivo é que eles mantêm a aparência sob o velho charme por causas culturais, como o aborto livre, o casamento gay, o globalismo, o radicalismo ecológico, etc. Assim como na China, dizem-lhe como viver sua vida particular.
Censura ou "controle da mídia" está na agenda de Dilma, da mesma forma como se encontra em pleno andamento na Argentina e Venezuela hoje em dia.
A privacidade fiscal de oponentes Dilma foi quebrada sem consequências. Os direitos fundamentais garantidos pela Constituição nada valem para o Partido dos Trabalhadores, e eles estão desafiando os direitos de propriedade.
Um grupo de camponeses comunistas, todos financiados e liderados por agitadores profissionais, invadem fazendas, matam pessoas (como o fazem agora) e a questão será decidida por consulta popular, da comuna.
Estão sendo preparados para serem peões do governo mundial. São previstos tempos difíceis à frente, para o Brasil. Dilma é incompetente e teimosa.
A dívida pública do Brasil quase triplicou, e está prestes a explodir, devido às altas taxas de juros. O boom da exportação de minerais e agro-commodities, que impulsionaram a popularidade de Lula, pode acabar a qualquer momento, especialmente se uma crise pesada atingir o dólar. O nível de tributação no Brasil é um dos mais altos do mundo, com 40,5%, e a burocracia, com 85 diferentes impostos na última contagem, é astronômica. Eles não serão mais capazes de aumentar os impostos para sustentar os vagabundos empregados do governo e a alta corrupção.
Quando o governo quebrar, as ajudas sociais que apoiaram a popularidade de Lula estarão em risco. Sem o crescimento das exportações, haverá menos postos de trabalho, e é possível que eles venham a ter tumultos e protestos.
As coisas têm sempre sido muito fáceis nesse país, onde o alimento cresce até nas rachaduras na calçada.Talvez já esteja na hora de os brasileiros amadurecerem pelo sofrimento.
O projeto petista (Rodrigo Constantino)
O ex-ministro José Dirceu voltou à cena, fazendo um discurso no mínimo constrangedor para a campanha de Dilma, que tenta se manter estrategicamente afastada dele. Dirceu quis deixar claro que a vitória de Dilma nas eleições representaria a escolha popular do projeto do PT para o país. Segundo ele, a vitória de Dilma será ainda mais importante para o partido do que a de Lula, uma vez que o presidente seria "duas vezes maior" que o PT. Representantes do PMDB chegaram a se manifestar, lembrando que Dilma representa uma coligação, e não apenas o PT. Mas para o poderoso Dirceu, os eleitores estarão votando no projeto petista de governo. Resta perguntar: que projeto é esse?
Afinal, o projeto enviado para o TSE pelo PT, contando com a rubrica de Dilma, era uma compilação dos sonhos autoritários dos petistas, na linha da "revolução bolivariana" feita por Chávez na Venezuela. O controle da imprensa, para dar um exemplo de fundamental importância, estaria na ordem do dia segundo este projeto. Como a própria Dilma não desmentiu nem rebateu as afirmações de Dirceu, e como este ainda parece apitar bastante dentro do partido, não temos porque duvidar de suas palavras. O recado está dado, e de forma um tanto clara. Os eleitores, pela ótica dos próprios petistas do alto escalão, estariam dando seu aval ao projeto autoritário de poder no dia 3 de outubro. Será que o povo está ciente disso? Não falo dos mais ignorantes que trocam seu voto por migalhas e promessas vazias, mas dos eleitores de maior escolaridade e renda que votam em Dilma. Eles não são poucos!
(Nao é demais lembrar que o Serra, em um encontro com eleitores pediu que levantasse a mao quem sabia o que era o escândalo da Casa Civil. Menos de 10 pessoas levantaram o braço! Realmente, é ter um celular e uma tv o que realmente importa: o velho e conhecido "Pao e Circo"!)
Caso o PT seja bem-sucedido em seu projeto de poder, será difícil alegar surpresa. Quem tem acesso aos jornais, quem viu a fala de Dirceu, quem tem um mínimo de capacidade de compreensão dos fatos não poderá fingir que não sabia de nada depois, se caminharmos mais alguns longos passos em direção ao modelo venezuelano. Dirceu avisou. E Dirceu ainda é PT. Não custa lembrar, já que a memória do brasileiro costuma ser fraca, o que Dirceu disse no auge do escândalo do "mensalão", sobre sua relação com o presidente Lula: "Não faço nada que não seja de comum acordo e determinado por ele". E se o recado não estivesse cristalino ainda, Dirceu fez questão de dissipar quaisquer dúvidas: "Sou um soldado do partido e do governo".
O simples fato de José Dirceu ainda ter a relevância que tem dentro do PT, e de fazer as articulações políticas para a campanha de Dilma, demonstra que ele falava a verdade na época. Não aparecer em público na campanha é apenas uma estratégia de marketing, uma vez que sua imagem ainda está arranhada perante o grande público – tanto que a oposição tem batido nesta tecla, lembrando que o eleitor vota em Dilma e leva Dirceu. Mas não existe confissão maior de culpa do PT como um todo no escândalo do "mensalão" do que a permanência de Dirceu na cúpula de poder do partido. O presidente Lula chegou a dizer que tinha sido traído na época; mas sabemos que não foi por Dirceu. Afinal, quem é traído e mantém o traidor por perto, repleto de poder? Somente aquele que não foi traído de verdade, mas sim cúmplice. Dirceu sabe demais. Ele é um "soldado" do partido, e fez tudo de "comum acordo" com o presidente Lula.
O projeto petista é, portanto, aquele defendido por estas mesmas pessoas poderosas dentro do PT. O projeto é o mesmo que contou com o "mensalão" para comprar deputados e concentrar o poder político. O projeto é o mesmo que colocou Erenice Guerra, braço-direito de Dilma, no cargo poderoso que já foi de Dirceu. A explosão de novos escândalos que culminou na saída de Erenice do ministério, mas não do círculo de confiança de Dilma e Lula, representa apenas mais um capítulo desta novela proibida para menores de idade. O projeto petista, enfim, é um só e o mesmo de sempre: tomar o poder total de uma vez, calar a imprensa independente que ainda incomoda muito, e partir para a "revolução bolivariana" brasileira. Hugo Chávez sabe disso e aplaude abertamente o projeto, declarando seu regozijo com a quase certa vitória de Dilma. Seus eleitores não poderão, insisto, alegar desconhecimento dos fatos no futuro.
É muito triste vivenciar uma época em que as futuras vítimas escolhem de bom grado o caminho da servidão. Resta apenas o consolo do filósofo Schopenhauer, cuja morte faz 150 anos dia 21 de setembro: “É preciso ser paciente, pois um homem de intelecção justa entre pessoas enganadas assemelha-se àquele cujo relógio funciona com precisão numa cidade na qual todos os relógios de torre fornecem a hora errada”.Maria é perfeita em intervir sem perturbar os desígnios de Deus para uma alma.
(Pe. Marie Eugène)

sexta-feira, 25 de julho de 2014

Dilma: "esta será a campanha da verdade contra o pessismismo"

Autor: Equipe Dilma Rousseff: A afirmação da presidenta foi feita em discurso durante jantar com apoiadores da coligação “Com a Força do Povo”, na noite desta quinta-feira, 24 de julho. O encontro foi realizado numa churrascaria da cidade de São João de Meriti, na Baixada Fluminense. Estiveram presentes dezenas de prefeitos, além de ex-prefeitos, deputados estaduais e federais, vereadores e apoiadores políticos, totalizando cerca de 300 pessoas.
Dilma Rousseff abordou, ainda, o clima de pessimismo que alguns tentam instalar no país. Segundo ela, faz-se com a economia o mesmo que foi feito com a Copa do Mundo e o mesmo que foi feito com a Petrobras. A presidenta lembra o que se dizia: que a Copa seria o caos, que não tínhamos competência nem capacidade para organizar uma Copa, que o Brasil seria um inferno de manifestações absolutamente violentas, que teria apagão de energia, crise de dengue e que não sairia mesmo. “Conseguimos provar com fatos que o Brasil tem capacidade para realizar uma Copa porque trabalhamos em conjunto: prefeituras, governos estaduais e governo federal conseguiram realizar uma Copa que é orgulho para todos nós”, celebra.
Para o vice-presidente Michel Temer (PMDB), as pessoas presentes ao encontro revelam o reconhecimento do povo à gestão da presidenta Dilma. “Escrevi há pouco tempo um artigo sustentando que o Brasil não ganhou, no futebol, a Copa do Mundo. Mas pela organização, ganhou o mundo. Isso é fruto da eficiência da Presidenta Dilma que conduziu a organização deste episódio que enobrece nosso país”, elogiou Temer.

quinta-feira, 24 de julho de 2014

O TSE acaba de conceder nova vitória à campanha de Dilma Rousseff

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) julgou improcedente a representação proposta pela Coligação de Aécio Neves, que acusou a presidenta Dilma Rousseff de ter proferido discurso eleitoral em campanha antecipada durante a cerimônia de entrega de 496 unidades habitacionais do Residencial Vila Velha - 1ª etapa, do programa Minha Casa Minha Vida, localizadas em Vila Velha (ES), no dia 2 de julho deste ano.
Ao julgar a representação infundada e decidir pela sua improcedência, o Ministro Tarcísio Vieira foi esclarecedor: "A meu sentir, a fala não condiz com propaganda eleitoral antecipada, mas sim com o cumprimento do dever constitucional de publicidade, de ministrar, inclusive, informações propiciatórias a um controle social mais eficaz." ( RP 76914)
Para o coordenador jurídico da campanha, Flávio Caetano," mais uma vez o TSE agiu corretamente, ao distinguir, com exatidão, o dever constitucional de informação e a prática de propaganda eleitoral. A campanha do PSDB tem agido com verdadeiro excesso de judicialização, sem qualquer fundamento."
Att.
Assessoria de Imprensa
Comitê da Campanha da Presidenta Dilma Rousseff

Seja correspondente do Blog da Dilma em sua cidade

SEJA CORRESPONDENTE DO BLOG DA DILMA EM SUA CIDADE. Precisamos fortalecer a campanha da presidenta Dilma Rousseff nas grandes cidades, e para isso, precisamos do apoio de vocês. Quem desejar ser CORRESPONDENTE do Portal do Blog da Dilma em sua cidade, escrevendo ou enviando matérias de outros sites, enviando fotos, depoimentos, vídeos, entrevistas escrita e em vídeos, basta enviar nome completo, cidade, Estado e telefone, além de algum endereço de Redes Sociais para o e-mail do Blog da Dilma: blogdadilma13@gmail.com. Atenciosamente, Daniel Pearl Bezerra - editor nacional.
Blog da Dilma - o maior e melhor portal da presidenta Dilma Rousseff na internet.

Criador de "Dilma Bolada" retira página do ar

A Dilma Bolada, perfil fictício que faz sátiras com a imagem da presidente Dilma Rousseff (PT) na internet, não pode mais ser acessada no Facebook. Na tarde desta quarta-feira, 23, a página foi retirada do ar pelo seu criador, o publicitário Jeferson Monteiro. Até o presente momento, não foram externados os motivos da ação.
“Pra todos que estão perguntando: tirei a Dilma Bolada do ar, ok? Sem drama e sem mimimi”, publicou Jeferson em seu perfil pessoal na rede. Em entrevista ao jornal Estado de S. Paulo em fevereiro deste ano, o publicitário já havia considerado remover a página do ar durante o período eleitoral. Em outra publicação, Jeferson disse que irá explicar a remoção em breve.
Diante de questionamentos de fãs da página, Jeferson comentou: “Dilma será reeleita com ou sem a minha ajuda. A diferença é que com a Bolada é mais justo e ela apanha menos. Aécio é completo imbecil, assim como todo mundo que tá aceitando proposta para bater na Dilma na Internet”, disse.
O perfil Dilma Bolada apareceu primeiro no Twitter, em 2010. Em 2012 e 2013, o perfil fictício ganhou grande visibilidade no Facebook, com o próprio Jeferson sendo recebido no Palácio do Planalto pela presidente.
Redação O POVO Online

quarta-feira, 23 de julho de 2014

COLABORE COM O BLOG DA DILMA

COLABORE COM O BLOG DA DILMA: Até agora só conseguimos arrecadar R$ 500,00 para adquirir a filmadora Canon EOS 5D Mark II, que custa por volta de R$ 9.000,00, instrumento fundamental para o trabalho dos editores do Blog da Dilma nas coberturas e reportagens. Estamos trabalhando com uma filmadora emprestada. Deposite qualquer valor. Se você alguma empresa, firma, loja, etc. podemos divulgar no Portal do Blog da Dilma, em forma de banner publicitário sua contribuição financeira.  Contribua:  Conta Bancária: 40547-7, Agência: 0675-0 - Banco do Brasil: 001, ou diretamente no PagSeguroUOL: https://pagseguro.uol.com.br/checkout/nc/nl/donation/sender-identification.jhtml?t=15a9b5f476b0a75aa75af59c503c3ef5#rmcl
Atenciosamente, Daniel Pearl Bezerra - editor geral - blogdadilma13@gmail.com

terça-feira, 22 de julho de 2014

Caminhada com Luizianne Lins do PT em Fortaleza

EM FORTALEZA/CE: Venha para a Caminhada com #Luizianne1313 em uma das mais belas conquistas de Fortaleza durante seu governo: o Hospital da Mulher. Será nesta terça, 22, a partir das 16h. Presença do companheiro e candidato a deputado estadual

domingo, 20 de julho de 2014

Adelia Prado, a nova "Regina Duarte"

Refletindo na tarde de domingo sobre alguns vídeos que foram postados na net e nas redes sociais, em particular, uma entrevista com a poeta Adelia Prado. Nada mais pode chocar tanto opinião e a expectativa de muitas pessoas. Inclusive a minha. Tenho aprendido muito. Nossa! Quando a poeta diz que há uma ditadura em curso no Brasil chega a ser deprimente o discurso fácil e apelativo ao qual ela se agarra. E diz que é uma ditadura por conta dos desmandos políticos e das manifestações e badernas que tem ocorrido. É bom lembrar que numa ditadura a primeira coisa que acontece é a censura e o controle em torno da comunicação. Depois fiquei pensando a onde a poeta estava no período da ditadura militar no Brasil. Silêncio! A poeta precisa compreender que uma ditadura não se justifica e nem pode ser confundida com desmandos ou excesso de manifestação por parte da população. Que a ditadura corrompe e mata as pessoas e o seu nível de corrupção é vergonhoso. Continuei refletindo sobre a cultura política no Brasil. É impressionante que os dois eixos de maior apego ao modelo político da alcova das elites brasileira, é justamente o berço nascedouro da poeta, Minas Gerais e o outro São Paulo. Os dois estados que concentraram durante o período de 1894 a 1930 a República Oligárquica com presidente civis fortemente influenciados pelo setor agrário dos estados de São Paulo e Minas Gerais. A política do café com leite. São Paulo produtor de café e Minas Gerais produtor de leite e as outras regiões não existiam. O mapa da fome só foi levado a cabo recentemente, a partir do primeiro governo do Lula e que a Dilma tem dado continuidade. Posso assegurar para a poeta mineira que os cearenses e nordestinos em geral não se intimidam com as manifestações, até porque a luta dos movimentos sociais tem seu nascedouro na inquietação e desespero de muitos que lutam por dignidade e políticas públicas e cidadania. E a outra coisa é lembrar a poeta mineira que todos sabemos onde a presidente Dilma estava durante a ditadura no Brasil. Lutava contra o sistema e as sua injustiças e foi alvo da insanidade dos torturadores pagos e orientados para violentar e sacrificar qualquer um que se colocasse contra o regime. Até mulheres grávidas. É ridículo que hoje uma poeta compare a situação política do Brasil com uma ditadura. E fico pensando a onde andava Adelia Prado quando as nossas mulheres eram assassinadas nos porões da ditadura? Onde? A história é a nossa maior confidente e sempre nos revela. Salve a democracia!
Íris Tavares - PT Ceará
https://www.facebook.com/iris.tavares.96

Adélia Prado expressa sua tristeza com o efeito do PT
https://www.youtube.com/watch?v=_OTR_RDwNpM

Minas fez aeroporto em fazenda de tio de Aécio

Jornal de Otavio Frias acusa o presidenciável tucano Aécio Neves de ter construído aeroporto de quase R$ 14 milhões com verba pública dentro de uma fazenda se seu tio, no fim do seu segundo mandato como governador de Minas Gerais; construído no município de Cláudio, a 150 km de Belo Horizonte, o terminal ficou pronto em outubro de 2010 e é administrado por Múcio Guimarães Tolentino, segundo a publicação; Aécio nega irregularidades e diz que obra atendeu a critérios técnicos.
247 – A “Folha de S. Paulo” disparou seu primeiro petardo contra o presidenciável tucano Aécio Neves. Na manchete da edição deste domingo, o jornal de Otavio Frias acusa Aécio, então governador de Minas Gerais, de ter construído com verba pública aeroporto de quase R$ 14 milhões em terras de seus parentes, em seu segundo mandato.
Construído no município de Cláudio, a 150 km de Belo Horizonte, o empreendimento ficou pronto em outubro de 2010 e seria administrado por Múcio Guimarães Tolentino, tio-avô do senador e ex-prefeito de Cláudio.
De acordo com a publicação, para pousar no local, é preciso pedir autorização aos filhos de Múcio. Segundo um dos filhos de Múcio, Fernando Tolentino, seu primo Aécio Neves usa o aeroporto "seis ou sete vezes" por ano, em visita a cidade ou a Fazenda da Mata, a 6 km do aeroporto. Aécio nega irregularidades e diz que obra atendeu a critérios técnicos (leia aqui).

Ceará: Salitre em festa com a chegada de Camilo do PT

PT Ceará: População nas ruas, uma grande carreata, buzinaço, muita alegria e festa popular. Foi assim que mais de duas mil pessoas recepcionaram, em Salitre, os candidatos a governador, Camillo Santana, a vice-governadora, Izolda Cela, e a senador, Mauro Filho, pela coligação “Para o Ceará seguir mudando”. Carros, motos e muita gente acompanhando a pé mostravam que valia qualquer esforço para estar perto dos candidatos.
Emocionado com a acolhida, Camilo assumiu compromissos com a população, garantindo a implantação de uma política efetiva para solucionar de maneira permanente a distribuição de água na cidade, assim como a criação de uma escola profissionalizante e a continuidade do Programa de Alfabetização na Idade Certa (Paic), no Estado. “Nunca vou esquecer a forma e o carinho com que fui recebido. Podem estar certos que vou saber retribuir”, afirmou.
O município da Região do Cariri, localizado a 450 km de Fortaleza, confirma o que já vinha acontecendo noutras cidades por onde os candidatos da coligação vêm passando: o rumo que desejam para o Ceará nos próximos anos. Alinhados no projeto de manter o Ceará no caminho do crescimento, Camillo, Izolda e Mauro apresentaram seus projetos para a população local.
“Eu nunca votei. É a primeira vez. Então, espero começar com o pé direito. Por isso vou votar em Camilo Santana”. Com essas palavras, Eduarda Alencar, 16, confirmou o apoio aos candidatos da coligação “Para o Ceará seguir mudando”. “Espero que haja ainda mais avanços na saúde, educação e segurança”, concluiu a nova eleitora.
Projeto
Ao lado de seus companheiros, Camillo falou sobre o projeto que envolve a escolha da chapa. ”Fomos escolhidos candidatos para dar continuidade a um projeto que há 12 anos vem transformando o Brasil e há oito anos vem transformando o Ceará. São obras de infraestrutura, habitação, educação, abastecimento de água, dentre tantas outras que vão ser continuadas”, comentou Camillo, lembrando seu trabalho na busca de melhoria da qualidade de vida da população, quando esteve à frente das pastas de Desenvolvimento Agrário e das Cidades.
Segundo Mauro Filho, tem sido estimulante a forma como as pessoas têm recebido os candidatos. “Nós três somos concursados e professores. Além disso, temos o histórico de secretários do governo Cid. Isso nos coloca à frente, por conhecermos profundamente a realidade do Ceará”, afirmou. Izolda Cela também agradeceu a população de Salitre. “A luta é muito grande. E eu tenho a maior fé nesse grupo e no que podemos trazer de bom para o Ceará. Nós temos esse compromisso”, afirmou.
Fonte: Coordenadoria de Comunicação Coligação "Para o Ceará seguir mudando".

Sensus aponta melhora na avaliação do governo

A pesquisa Istoé/Sensus mostra a mesma realidade instável já revelada pelo Datafolha.
Está tudo na mesma no primeiro turno. Dilma se mantém firme na primeira colocação. Aécio e Campos emagreceram.
Os votos espontâneos mostram uma queda de 1,5 ponto de Dilma; seus adversários, porém, perderam mais; Aécio caiu 3,1 pontos; Campos perdeu dois.
No segundo turno, o cenário se comprime, em empate com Aécio, e quase empate com Campos.
Uma boa notícia trazida pelo Sensus é que a rejeição ao governo arrefeceu. Caiu de 35% para 28% o percentual de percepção negativa da administração federal.
Cada vez mais fica evidente que Dilma parece estar disputando contra si mesma, contra uma suposta má imagem construída pela mídia, pelo governo e pela própria.
Ela tem 32% de votos e 40% de rejeição pessoal.
Se conseguir desmanchar parte da rejeição do eleitorado a sua pessoa, que realmente está muito alta, sua vitória estará garantida.
Dilma precisa ser “humanizada”. Tem de se livrar do protocolo e do marketing e andar um pouco mais de moto por aí…
Autor: Miguel do Rosário - Tijolaço.

quinta-feira, 17 de julho de 2014

Brics: nova fase nas relações mundiais

Do blog de Zé Dirceu:
Criar um banco de financiamento da infraestrutura e um arranjo institucional para evitar estrangulamentos nos balanços de pagamento tem inegável importância histórica. Este é o sentido maior das duas decisões tomadas pelos chefes de Estado e de Governo, reunidos durante dois dias na Cúpula do BRICS, realizada nesta 2ª e 3ª feira em Fortaleza.
Com a criação das duas instituições, os BRICS ganharam a densidade política que ainda não tinham adquirido na história anterior do bloco. Daí a importância das duas decisões. Consolida-se, assim, a aliança estratégica entre os cinco maiores países e economias emergentes, nações e povos, encerrando o ciclo histórico dominado pelo unilateralismo norte americano. E se abre-se o caminho para uma nova fase nas relações internacionais, inclusive com as reformas necessárias e urgentes em instituições multilaterais como o FMI e o Banco Mundial e a própria ONU.
Para além da aliança política e estatal entre os cinco países as decisões de Fortaleza avançam numa nova estratégia de desenvolvimento econômico e de relações internacionais. Uma grande vitória da diplomacia e da política externa brasileira e dos governos Lula e Dilma.
Decisões foram resposta à demora na reforma do FMI e do Banco Mundial

terça-feira, 15 de julho de 2014

Brics ganha densidade e afirma seu papel no cenário internacional, afirma presidenta

Em discurso nesta terça-feira (15), durante Sessão Plenária da VI Cúpula dos Brics, em Fortaleza, a presidenta Dilma Rousseff anunciou a criação de um banco e o estabelecimento de um arranjo contingente de reservas, segundo ela, dois importantes passos para o aperfeiçoamento da arquitetura financeira global.
A primeira direção do Conselho de Ministros do Banco dos Brics será da Rússia; a primeira direção do Conselho de Administração será do Brasil; o primeiro presidente do Banco será da Índia; o primeiro escritório regional será na África do Sul; e a sede do Banco será localizada em Xangai. O banco terá capital autorizado de U$ 100 bilhões, mesmo valor que o fundo de reserva.
“O Banco representa uma alternativa para as necessidades de financiamento de infraestrutura nos países em desenvolvimento, compensando a insuficiência de crédito das principais instituições financeiras internacionais. (…) Com esse acordo, contribuiremos também para o fortalecimento da estabilidade financeira global, ao complementar os mecanismos financeiros existentes, liberando o Fundo Monetário Internacional para acudir às economias vulneráveis”, explicou a presidenta.
Dilma ressaltou o papel dos Brics nesse novo arranjo da economia global.
“Vivemos também tempos de grandes oportunidades, com o acelerado avanço de novas tecnologias, a multiplicação do comércio e as possibilidades de reorganização do sistema internacional em termos mais democráticos e equitativos. Em tal conjuntura, nossos países têm a obrigação de se manifestar, de se fazer escutar, de atuar. (…) Fomos responsáveis pela mitigação dos efeitos da crise financeira global, e pelo sustentado crescimento da economia mundial desde então.”

Luizianne tem encontro com presidente nacional do PT

A ex-prefeita e candidata à deputada federal pelo Partido dos Trabalhadores (PT), Luizianne Lins, teve reunião nesta terça-feira (15) com o presidente nacional do partido, Rui Falcão. O encontro aconteceu na sede do comitê da presidenta e candidata à reeleição Dilma Rousseff, em Brasília.
O presidente reiterou, na reunião, que a eleição de Luizianne para a Câmara dos Deputados é prioridade do PT e que, como dirigente do partido, ele participará de uma de suas atividades de campanha. Para o PT, é importante que Luizianne reforce a bancada do partido em Brasília.
Já a candidata reafirmou para Rui Falcão que a reeleição de Dilma é prioridade. Como ex-prefeita e liderança política no Estado, Luizianne estabelecerá uma agenda de campanha de Dilma e se empenhará na vitória da presidenta.
Assessoria de Imprensa
Kerla Alencar | 9925.6196 | 8766.2490
jornalista

segunda-feira, 14 de julho de 2014

Brasil e Rússia buscam ampliar parcerias, investimentos e acordos comerciais

O encontro oficial entre a presidenta Dilma Rousseff e o presidente da Rússia, Vladimir Putin, na manhã desta segunda-feira (14), ampliou o volume de comércio e investimentos entre os dois países para até US$ 10 bilhões, além de garantir parcerias que vão além dos acordos comerciais, alcançando áreas estratégicas como defesa, energia, infraestrutura e ciência e tecnologia. Desde a primeira visita do presidente Putin ao Brasil, em 2004, o comércio entre os dois países mais que dobrou.
Em pronunciamento após a reunião, Dilma Rousseff destacou que transmitiu ao presidente da Rússia as inúmeras oportunidades que se abrem em energia e infraestrutura, áreas nas quais as empresas russas poderão aumentar sua presença no Brasil, especialmente em concessões de exploração de petróleo, portos e ferrovias.
A presidenta informou ainda que o governo dará continuidade às negociações para aquisição, pelo País, de unidades do sistema de defesa antiaérea. “Buscamos, com a Rússia, uma relação de longo prazo e de benefícios mútuos, seja pela formação de recursos humanos, seja pelo estabelecimento de parcerias industriais e de associação na área de tecnologia”, relata.
Além das tratativas para o desenvolvimento na área de defesa antiaérea, foram firmados acordos em diversos setores: serviços aéreos; troca bilateral de dados estatísticos; estudo de opções para monetização de gás no Projeto Solimões; estabelecimento, na Universidade Federal de Santa Maria (RS) e no Instituto Tecnológico de Pernambuco, do Sistema Glonass para navegação por satélite; e cooperação na produção de vacinas.
Relações bilaterais
Em 2013, a corrente de comércio entre os dois países chegou a cerca de US$ 5,6 bilhões, segundo dados do Ministério da Indústria, Desenvolvimento e Comércio Exterior (MDIC). Só no 1º semestre deste ano, a Rússia foi o 15º país que mais importou produtos brasileiros.
A relação bilateral comercial entre Brasil e Rússia abrange, do lado brasileiro, exportações de açúcar e carne – este último item é muito importante para o Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Do lado Russo, são exportados fertilizantes e insumos.
Política externa
O Programa de Governo para o segundo mandato da presidenta Dilma Rousseff valoriza o estreitamento das relações do Brasil com os países que compõem o BRICS, bem como enfatiza as parcerias com as nações da América Latina e Caribe, África e Ásia. Também será de grande relevância o relacionamento com os Estados Unidos, por sua importância econômica, política científica e tecnológica. Critério semelhante é válido para nossas relações com a União Europeia e com o Japão.
“A política externa tem sido e continuará sendo mais do que um instrumento de projeção do Brasil no mundo. Trata-se de um elemento fundamental de nosso projeto de nação”, registra o Programa de Governo. Autor: Equipe Dilma Rousseff
Acesse e divulgue o BLOG DA DILMA: https://www.facebook.com/BlogDilmaRousseff

Fortes emoções agora só na corrida eleitoral

Por Ricardo Kotscho - blog Balaio do Kotscho:
A) Aperfeiçoar os programas ProUni, Ciência sem Fronteiras, Mais Médicos e Minha Casa, Minha Vida. (........)
B) Solidez econômica, amplitude das políticas sociais e competividade produtiva. (........)
C) Políticas de desenvolvimento sustentável e independência formal do Banco Central. (........)
Estas são algumas das principais propostas dos programas de governo apresentados pelos três candidatos competitivos na corrida presidencial, que estão dando a largada nesta primeira segunda-feira do pós-Copa. Escreva ao lado de cada uma o nome do candidato que você pensa ser o autor da proposta e depois veja se você acertou.
A alternativa "A" pertence a Aécio Neves, embora pareça mais ser de Dilma. A "B" é de Dilma Rousseff e a "C" foi apresentada por Eduardo Campos, mas poderia também ser de qualquer dos outros dois. Afinal, ninguém é contra a energia elétrica e a água encanada, mesmo sabendo que ambas podem faltar, se os reservatórios continuarem secando, mas nenhum deles apresentou solução para este problema vital que vem afligindo os brasileiros nos últimos meses.
A lista dos temas para o debate eleitoral foi apresentada na matéria "Presidenciáveis não dizem como vão bancar propostas _ Planos de governo têm `reciclagem´de medidas bem-sucedidas e pouca inovação", de Fernando Canzian, publicada hoje na "Folha".
Não fique aborrecido se você errou todas as alternativas. Eu também teria dificuldades em acertar, já que as propostas dos programas de governo de Dilma, Aécio e Eduardo repetem as mesmas platitudes de campanhas passadas, sem apresentar qualquer novidade capaz de diferenciar um do outro.
É isso que nos espera após os 32 dias de Copa no Brasil em que vivemos fortes emoções e sentimentos contraditórios, alternando alegrias e tristezas, do sonho do hexa ao vexame dos 7 a 1, no campeonato eleitoral que agora começa para valer e vai decidir os destinos do país nos próximos quatro anos.