Na Sé, em luta, um canto pela democracia

Na Sé, em luta, um canto pela democracia
No último dia do mês de março, a Praça da Sé foi ocupada por manifestantes num ato simbólico em defesa da democracia. Foram cerca de quarenta mil pessoas reunidas demonstrando preocupação com a tentativa de impeachment e seus condutores. Bandeiras representando instituições de moradia, trabalhadores e estudantes, cartazes com críticas a Sérgio Moro, à TV Globo e referências ao Corinthians.

Comentários