Dimas Roque: Quem tem medo do Lula?

Responsável por tirar milhões de brasileiros da pobreza extrema, ele é atacado diariamente pela elite rica e sabuja da país
A menos de dois anos da eleição para presidente da República do Brasil, a caçada continua contra Luiz Inácio Lula da Silva, visando tirá-lo da disputa eleitoral. Já foram usados diversos argumentos, e todos eles contestados junto ao público ou a Justiça.
Se sentindo perseguido, Lula já buscou até a Organização das Nações Unidas (ONU) para denunciar as arbitrariedades a que está sendo submetido por parte de alguns membros do Ministério Público Federal na Justiça brasileira.
Responsável por tirar milhões de brasileiros da pobreza extrema através dos programas sociais criados em seu governo, ele é atacado diariamente pela elite rica e sabuja da país, que não aceita sentar ao lado de pessoas oriundas das camadas sociais mais pobres nos aviões. De dividir a mesa nos restaurantes, que antes só eram ocupados pela classe superior. Não gostam de sentir o cheiro do perfume que exala nos corredores dos shoppings centers.
É essa classe apoiada pela grande mídia que, diuturnamente, faz matérias negativas contra o Partido dos Trabalhadores e Lula, em uma tentativa de desgastar a imagem dos dois. Mas as pesquisas teimam em posicionar Lula e o PT em primeiro lugar da preferência do eleitorado, tornando ele o candidato preferencial da maioria.
Na articulação para a não candidatura petista de Lula, estão envolvidos e em conluio pessoas do Ministério Público, juízes, grande imprensa, blogueiros limpinhos e cheirosos, funcionários fantasmas de grandes corporações do governo federal, estaduais e municipais e “jornalistas” que são as vozes dos donos de jornais, revistas e TVs pelo Brasil afora.
E dizem até que governos estrangeiros estariam apoiando essa campanha. E um conluio que já protagonizou o golpe contra a presidenta eleita Dilma Roussef e tenta agora um segundo golpe para inviabilizar a candidatura Lula presidente em 2018.
Por Dimas Roque, para a Tribuna de Debates do 6º Congresso. Fonte: www.pt.org.br
Curta e divulgue a fan page do Blog da Dilma no Facebook:

Comentários